Formação no Porto Santo

Cartaz_porto_Santo_2018.jpg

Nos dias 27 a 28 de outubro vai realizar-se mais um encontro organizado pela AFERAM – Associação de Folclore e Etnografia da Região Autónoma da Madeira. Desta vez na ilha do Porto Santo.
Neste encontro irão apresentar-se alguns dos trabalhos do Referencial de Boas Práticas, projeto desenvolvido neste momento por treze grupos de folclore da região.
O Presidente da Federação do Folclore Português também participará como orador.

Programa
Dia 26 Sexta-feira
Viagem Lobo Marinho às 19 horas

Dia 27 Sábado
Formação: Cultura Tradicional: práticas e registo
Centro Cultural e de Congressos do Porto Santo

09:30 – Abertura dos trabalhos (AFERAM/FFP/SRTC/CMPS)
10:30 – Apresentação dos trabalhos pelos grupos
11:30 – Intervalo
11:50 – Apresentação dos trabalhos pelos grupos
13:00 – Intervalo/Almoço
15:00 – Apresentação dos trabalhos pelos grupos
16:00 – Ponto da situação do projeto / debate
16:30 – Intervalo
17:00 – Intervenção do Presidente da Federação do Folclore Português
18:00 – Encerramento dos trabalhos
19:00 – Jantar
21:30 – Arruada com a participação de todos os grupos
22:00 – Espectáculo

Dia 28 Domingo
11:00 – Visita Cultural
13:00 – Almoço
14:00 – Tarde Livre
Viagem Lobo Marinho às às 21 horas

Anúncios
Publicado em AFERAM, Federação do Folclore Português, Formação, Notícias / Informações | Publicar um comentário

EXPOSIÇÃO “Profissões Tradicionais”

43398199_2162875180634418_4205300619516313600_n

EXPOSIÇÃO ITINERANTE “Profissões Tradicionais”
Local: Centro de Promoção Cultural de São Vicente
Data: 11 de Outubro a 11 de Novembro

Estas exposições inserem-se num projeto de itinerância que o Museu Etnográfico da Madeira desenvolve há mais de 10 anos e enquadram-se no âmbito do Projeto de divulgação “O Museu Vai à Rua”. 
O museu prepara, anualmente, várias exposições, com um formato que permite a sua itinerância, sobre as temáticas do nosso Património Cultural Material e Imaterial, apresentando-as ao público em diferentes instituições, procurando descentralizar a divulgação, fazendo-a chegar a diferentes concelhos e procurando conquistar todo o tipo de público, democratizando a cultura.
Conteúdos: O crescente ritmo de invenções técnicas e de descobertas científicas modificou os valores do trabalho. Passámos de uma sociedade que valorizava o trabalho braçal, para uma sociedade industrial, que privilegia o lazer e o conforto.
A transmissão dos saberes tradicionais, de pais para filhos, é cada vez menor e o número de jovens nestes ofícios é cada vez mais reduzido.
Uma certa desvalorização social afasta os jovens destes ofícios e conduz estas profissões à extinção.
Esta recolha de documentação tem como objetivo preservar na memória coletiva estas atividades, que permanecem apenas na memória de alguns indivíduos. É essencial que recolhamos estes saberes, pois estamos na presença dos últimos testemunhos de um modo de vida, que está a desaparecer.

Publicado em Etnografia, Exposições | Publicar um comentário

Conferência Património Cultural Imaterial

42920457_10209498387896890_5843409242224066560_n

Imagem | Publicado em por | Publicar um comentário

Grupo da Ponta do Sol recebe medalha de mérito turístico

42640655_700246440374109_529581536454901760_n.jpg

Realizou-se esta manhã, pelas 11h30, a cerimónia de entrega das medalhas de mérito turístico, iniciativa integrada nas comemorações do Dia Mundial do Turismo.
Presidida pelo chefe do Executivo madeirense, Miguel Albuquerque, a cerimónia homenageou várias personalidades e entidades, entre as quais o Grupo de Folclore de Ponta do Sol, que recebeu a medalha de prata (prémio contributo).
A AFERAM deseja as maiores felicidades ao grupo, reconhecendo o seu contributo em prol da defesa e preservação das tradições locais.

Ver mais

Publicado em Grupos de Folclore, Notícias / Informações | Publicar um comentário

XXIII Desfile Nacional do Traje Popular Português

desfile.jpg

A Federação do Folclore Português fará acontecer mais uma edição do Desfile Nacional do Traje Popular Português, em Gondomar no dia 15 de Setembro de 2018.

A Avenida 25 de Abril, junto à Igreja Matriz de São Cosme, verá ser instalada uma passerele e bancadas com 25 metros, para o que o traje possa ter mais um momento de relevo e destaque.

A edição de 2017, em Abrantes, contou com cerca de 1200 participantes e a direção da FFP está apostada em tentar superar este número, incluindo novos quadros e algumas surpresas que até ao dia do Desfile irão sendo reveladas.

É esperado que todas as regiões etnográficas estejam representadas, do Minho ao Algarve, incluindo também as ilhas. Das Comunidades Portuguesas espalhadas pela diáspora, estarão também presentes algumas representações.

Esta edição conta com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Gondomar e patrocínio da Fundação Inatel.

Fonte: www.ffp.pt

 

Publicado em Federação do Folclore Português, Traje | Publicar um comentário

XV Semana Europeia de Folclore

38712008_1917384661651640_289860518104006656_n

Organizado pelo Grupo de Folclore e Etnográfico da Boa Nova, esta iniciativa cultural tem por objetivo dar a conhecer o rico património cultural madeirense através da etnografia e do folclore, num convívio intercultural cheio de muita animação a decorrer entre os dias 26 e 29 de agosto.

A exemplo de anteriores edições, este festival tem por palco central o Auditório do Jardim Municipal e conta com a participação de diversos grupos folclóricos regionais, nacionais e internacionais, num certame que tem contribuído para a criação de um cartaz etnográfico de grande riqueza em estilos musicais.

38724457_1917809228275850_725429738755063808_o

Publicado em Festivais | Publicar um comentário

28.º Festival Nacional e Internacional de Folclore da Ponta do Sol

ps

Sábado, 25 de Agosto, por ocasião das Festas do Concelho de Ponta do Sol, o Grupo de Folclore de Ponta do Sol, organiza desde há 28 anos consecutivos, o Festival Nacional e Internacional de Folclore onde estão presentes grupos que pelo seu trabalho dignificam o Folclore Regional, Nacional e Internacional.
Este ano, o Festival terá dez grupos; três internacionais vindos de Espanha, Hungria e México; cinco do Continente Português vindos do Algarve, Leiria, Coimbra, Vila Nova de Gaia e Guimarães; e da Madeira o Grupo de Folclore da Casa do Povo de Gaula e o Grupo de Folclore de Ponta do Sol.
O tema do Festival é alusivo aos Lavadouros e Fontenários com decoração sempre a preceito, alusiva ao tema e com muitas flores.
Pela 1ª vez este ano, será dada uma abrangência maior ao Festival. Com a Semana da Cultura Popular e tradicional onde, terão vários eventos durante uma semana (de 23 a 29 de agosto); exposição de fotografia alusiva ao tema do Festival; espetáculos “Tradições de um Povo” com diversos Grupos; Arruada e Noite Branca com músicas até os anos 90, Desfile de Moda de roupa Interior e Fato de Banho de finais do Séc. XIX até nossos dias, entre outros.

Publicado em Exposições, Festivais, Notícias / Informações | Publicar um comentário

XXVIII Festival Nacional e Internacional de Folclore da Ponta do Sol

39741078_676894422709311_2818089318927564800_n39404424_675095619555858_6402894793420046336_n

As Festas da Ponta do Sol estão a chegar. Começam a 23 de Agosto com uma semana dedicada à tradição e cultura popular. O Município da Ponta do Sol em parceria com o Grupo de Folclore realizam exposições, espectáculos com grupos nacionais e internacionais, música na rua e o Festival de Folclore, no dia 25 (sábado):

21.15 – Desfile com 9 Grupos Nacionais e Internacionais desde o Miradouro até  Avenida da Ponta do Sol
21.30 – Início do Festival Nacional e Internacional de Folclore – Ponta do Sol 2018

  1. Grupo de Folclore de Ponta do Sol – Madeira
  2. Grupo Etnográfico do Lorvão – Coimbra
  3. Folk Dance Ensemble – Hungria
  4. Rancho Folclórico Santa Eulália de Constance, Marco de Canavezes – Porto
  5. Grupo de Folclore CP Gaula – Madeira
  6. Grupo Folclórico Luz dos Candeeiros Arrimal – Leiria
  7. Rancho Folclórico da Ria Formosa Olhão – Algarve
  8. Grupo Folclórico da Corredoura– Guimarães
  9. Agrupacion Folklórico Estrella y Guia – Gran Canárias – Espanha
Publicado em Festivais, Grupos de Folclore | Publicar um comentário

Encontro de Folclore de Machico

cartaz_folclore_2018_net.jpg

O Encontro de Folclore de Machico volta a realiza-se no dia 26 de Agosto, Domingo, pelas 18.30 horas no Largo da Praça e conta com a presença dos grupos de folclore de MACHICO; Grupo Etnográfico de Lorvão – Penacova – Coimbra; Grupo Folclórico da Corredoura – São Torcato – Guimarães; Agrupación Folclórica Estrella y Guía, Gran Canaria – Canárias e Rancho Folclórico Santa Eulália de Constance, Marco de Canaveses – Porto.

O tema desta edição é a “Cana vieira”. Pretende-se divulgar os conhecimentos e artefactos executados com esta matéria-prima, que foram transmitidos de geração em geração, e que transportam um valioso legado cultural que importa preservar. Esta planta, proveniente do oriente, foi adotada e disseminada por todo o arquipélago, e pode-se encontrar nas técnicas de construção, nas atividades piscatória e agrícola, na cestaria, nos brinquedos, nas gaiolas e nas armadilhas, em várias peças de artesanato e nos instrumentos musicais, como é o caso do nosso “Brinquinho”.

Este encontro, bianual, organizado pelo Grupo de Folclore de Machico, é realizado desde 1992 e é apoiado pela Câmara Municipal de Machico, Secretaria Regional de Agricultura e Pescas, Junta de Freguesia de Machico, Casa do Povo de Machico, Paróquia de Machico e conta com a colaboração dos grupos de folclore da Boa Nova, C. P. de Gaula e da Ponta do Sol.

 

 

Publicado em Festivais, Notícias / Informações | Publicar um comentário

Festival de Folclore – Gaula

Gaula_festival_2018

O Baila que Baila é um evento de carácter cultural, organizado pelo Grupo de Folclore da Casa do Povo de Gaula, com a colaboração de distintas instituições públicas e privadas.
Inserido nas comemorações do 40º Aniversário do Grupo de Folclore da Casa do Povo de Gaula, o festival ocorre no dia 24 de Agosto de 2018, pelas 21h, no Salão Paroquial de Nossa Senhora da Luz em Gaula.

O objetivo deste festival é promover o intercâmbio musical, cultural, e social entre grupos de folclore e sociedade em geral, contando assim com a participação de vários grupos de diferentes regiões do país e do estrangeiro.

Publicado em Festivais | Publicar um comentário